Firewall é um software ou um hardware

Firewall é um software ou um hardware que verifica informações provenientes da Internet ou de uma rede, e as bloqueia ou permite que elas cheguem ao seu computador, dependendo das configurações do firewall.

Um firewall não é a mesma coisa que um antivírus. Para ajudar a proteger o seu computador, você precisará tanto de um firewall quanto de um antivírus. O Windows 7 dispõe de um firewall nativo mas não possui antivírus nativo ou antimalware nativo. Estes você terá que adquirir de terceiros ou da própria Microsoft no seu Microsoft Security Essentials.

Um firewall pode ajudar a impedir que hackers ou softwares mal-intencionados (como worms) obtenham acesso ao seu computador através de uma rede ou da Internet. Um firewall também pode ajudar a impedir o computador de enviar software mal-intencionado para outros computadores. A ilustração a seguir mostra como um firewall funciona. A seta verde indica a passagem de dados autorizados pelo firewall; as setas vermelhas indicam tráfego não autorizado.

Imagem da Rede, do Firewall na saída e da Internet.

O Firewall do Windows 7 é acessado pela sequência:

Painel de Controle\Sistema e Segurança\Firewall do Windows

Observe, na figura a seguir, que o Firewall do Windows está configurado para conexão com redes de casa ou trabalho mas está desconectado para redes públicas.

Tela de configuração do Firewall do Windows.

São exemplos de Redes públicas lanchonetes, aeroportos, estádios de futebol, orla marítima de Copacabana etc. Você deve escolher essa opção se tiver uma conexão de banda larga móvel (notebook, netbook).

Afinal, Firewall é hardware ou software?

Embora, ambos possam ser utilizados de forma conjunta – o que representaria uma ação de maior cuidado com o que entra e sai de uma rede – geralmente as empresas grandes utilizam o firewall de hardware; afinal elas têm maior poder para investimento e maiores necessidades de segurança.

As médias e pequenas empresas, assim como usuários domésticos, optam pelo software por conta dos custos serem menores e, de não possuir nem pessoal especializado nem equipamento do porte de firewall de hardwares. Nesse caso, indicamos a principal diferença: a primeira consiste em maior investimento e pessoal com conhecimento técnico e, a segunda, é mais acessível, embora necessite de conhecimento específico.